Redação Enem: Quais são os critérios de avaliação?

A produção da redação no Enem ė uma forma de avaliação bastante importante, dada sua complexidade. Sendo uma das avaliações que mais deixam os leitores temerosos, por isso é necessário saber quais os critérios de avaliação do texto, para diminuir as chances de erro, e chegar a uma nota final satisfatória. Então, fique atento as nossas dicas!

Como funciona a distribuição dos pontos?

Os 1000 pontos máximos colocam-se distribuídos em 5 competências, cabendo a cada uma delas 200 pontos. Cada redação é inicialmente corrigida por dois avaliadores, surgindo como valor final a média aritmética entre suas notas. Havendo diferença igual ou superior a 100 pontos entre as notas finais atribuídas ao texto por ambos ou a 80 pontos em uma única competência, um terceiro corretor passa a fazer parte do processo e a média aritmética que proporciona a nota final, nesse caso, passa a ser a obtida a partir das duas entre as três notas que mais se aproximarem.

Veja quais são os pontos analisados na redação:

assuntos do enem 2015

– Apresentar domínio da norma padrão da língua escrita. Demonstrar conhecimento gramatical, com uma comunicação em linguagem formal.  Nos quais destacamos gráfica; ortografia; crase; concordâncias nominal e verbal; regência; colocação pronominal; e pontuação.

– Entender a proposta de redação e aplicar conceitos das várias áreas do conhecimento, para desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. Sendo necessário observar que a tipologia textual (respeitar as características da dissertação argumentativa); e atendimento ao tema (demonstrar entendimento do tema oferecido pela Banca) são os principais pontos para que a redação não seja zerada.

– Selecionar o volume de dados com que conta o texto. Excesso de argumentos ou mesmo o aprofundamento do estudo de causas atuais não colaboram em nada para que a redação se torne mais qualificada, além de ainda gerar o risco de fuga parcial do tema. É necessário também relacionar os parágrafos de desenvolvimento, que precisam se conectar a introdução numa estratégia de defesa do posicionamento escolhido pelo texto. Ainda nesta relação, é preciso apresentar organização na dissertação, mostrando o quanto os dados foram colocados em posições adequadas.

– Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação envolvendo ligações físicas entre as partes da redação.

– Elaborar proposta para o problema abordado, respeitando os direitos humanos. Mesmo que alguns temas não exponham transtornos de forma clara, existe um critério de correção de redação, falando em “problema abordado”, confirmando a existência de algo a ser resolvido.  

Leia Mais

Um mês para o Enem – O que fazer?

Faltando pouco menos de um mês para o Exame Nacional do Ensino Médio, separamos os principais passos pare que você possa fazer uma boa revisão até a data da prova. Seguem as dicas!

Faça exercícios – priorize fazer questões, procurando se adequar para fazer dentro do tempo médio de 3 minutos cada uma.  No site do INEP é possível baixar as provas anteriores, comece um bloco de questões e termine, não desvie o foco fazendo outras coisas ao mesmo tempo.

Prefira leituras de conteúdos que sejam mais curtas e sucintas. Prefira resumos pontuais e/ou videoaulas que ajudaram você a pincelar sobre todos os temas.

Organização é outro ponto fundamental! Foque nos estudos de uma disciplina por turno. Não adianta estudar conteúdos de química e matemática juntos. Faça uma disciplina pela parte da manhã, lendo, fazendo exercícios, vendo videoaulas; e outra pela tarde, e assim por diante.

Foque em interpretação e raciocínio lógico nesse momento e no resgate do que você já sabe. Pois o ENEM se baseia mais no conhecimento adquirido do que em fórmulas decoradas.

Outro ponto importante é alimentação e lazer, saia e se possível, faça uma caminhada por dia, tome um café com os amigos por um tempo. Não adianta estudar 15 horas por dia, pois o cérebro não irá absorver tudo isso, na metade do tempo já estará fadigado.

Se prepara também para a de 2 dias, física e emocionalmente. Não troque o dia pela noite estudando. Lembre que você tem que fazer uma prova pela parte da tarde e que será a hora que você precisa estar no seu máximo. Se atualmente você tem estudado até altas horas e acordado às 14h, 15h, organize os horários, comece a acordar mais cedo aos poucos.

Outra boa dica é selecionar filmes, livros, programas de tv e afins que tenham algum conteúdo. Documentários, filmes com temas históricos, são ótimos, pois mesmo descansando é possível aprender.

Leia Mais

Pedreiro que pedalava 42 km para estudar se forma em Direito

Todos os dias, o pedreiro Joaquim Corsino dos Santos, de 63 anos, pedalava se sua casa até a faculdade, onde cursava a graduação de Direito. Eram 42 km em cima da bicicleta, de Cariacica até Vitória (ES). E todo o esforço valeu a pena, segundo ele, que realizou o sonho de se formar.

Joaquim recebeu seu diploma na última quinta-feira, dia 17. Ele era o aluno mais velho de sua turma, na Fnac (Faculdade Nacional) e obteve uma bolsa parcial da instituição.

Reprodução/ESTV

O recém-formado chegou a terminar o curso técnico em administração quando tinha 20 anos, mas precisava trabalhar e ficou sem ir à escola por anos. Nos anos 1980, tentou cursar contabilidade, mas teve de começar a trabalhar como assistente de pedreiro.

Durante esse período, ele guardava parte do dinheiro de seu trabalho para investir nos estudos. Além de construir sua casa, Joaquim juntou ao longo dos anos R$ 55 mil para terminar o curso.

Reprodução

A distância nunca impediu Joaquim de sonhar. Agora, o foco dele é ser aprovado na OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) e se tornar delegado de polícia.

Fonte: Catraca Livre

Leia Mais

Veículo anfíbio e futebol de robôs são destaques da FEI na Feira Guia do Estudante

São Bernardo do Campo, 12 de agosto de 2015 – O Hovercraft, veículo que flutua sobre um colchão de ar e pode se deslocar no mar, na terra ou na neve estará em exposição no estande do Centro Universitário da FEI, durante a 10ª edição da Feira Guida do Estudante, de 21 a 23 de agosto, no Expo Center Norte, em São Paulo. Outro destaque será a apresentação de dois robôs humanoides em uma simulação de um jogo de futebol. O objetivo da FEI, ao participar da Feira, é apresentar aos visitantes projetos desenvolvidos por alunos e professores da Instituição, cursos e oportunidades de desenvolvimento profissional. unnamed-4

No estande da FEI estará montado um globo de eletricidade estática, que simula descargas elétricas na atmosfera. As cargas produzidas em uma correia são transmitidas para a superfície de uma esfera; o acúmulo de cargas faz com que a esfera as descarregue em algum ponto. Esse fenômeno é o mesmo que provoca a ocorrência dos raios. O equipamento em exposição é utilizado durante as aulas práticas nos laboratórios da FEI.

Além dessas atrações, o estande também terá um jogo de memória em tela touchscreen, no qual o visitante poderá participar de uma atividade lúdica com jogo de palavras e fotos da Instituição.

Um dos principais eventos voltados à escolha profissional no país, a Feira Guia dos Estudantes deverá receber 35 mil visitantes este ano, segundo expectativa dos organizadores, com a participação de estudantes que buscam informações sobre cursos, mercado de trabalho e a escolha de uma carreira. A entrada no evento é gratuita e os interessados devem se inscrever no site www.feiraguiadoestudante.com.br.

Agende-se:

Feira Guia do Estudante 2015
Data: 21 a 23 de agosto
Horário: das 9 às 19 horas
Local: Expo Center Norte – Pavilhão Amarelo
Endereço: Av. Otto Baumgart, 1000. Vila Guilherme, São Paulo – SP

Entrada gratuita – Inscrições: www.feiraguiadoestudante.com.br 

Sobre a FEI – O Centro Universitário da FEI (www.fei.edu.br) é mantido pela Fundação Educacional Inaciana “Pe. Sabóia de Medeiros”, fundada em 1945, e está vinculado estatutariamente à Companhia de Jesus, responsável por sua orientação, sempre à luz dos princípios cristãos da defesa da Fé, da promoção da Justiça, da dignidade humana e dos valores éticos. A FEI integra a Rede Jesuíta de Educação e agrega marcas históricas de instituições de ensino de São Paulo: Faculdade de Engenharia Industrial, Escola Superior de Administração de Negócios e Faculdade de Informática. A FEI oferece cursos de graduação em Administração, Ciência da Computação e Engenharia nas áreas de Automação e Controle, Civil, Elétrica com ênfase em Eletrônica, Computadores e Telecomunicações, Mecânica, Mecânica com ênfase em Automobilística, Materiais, Química, Produção e Têxtil, além de cursos de especialização, aperfeiçoamento e extensão, ministrado pelo Iecat (Instituto de Especialização em Ciências Administrativas e Tecnológicas). Com campi em São Bernardo e São Paulo, a FEI também oferece pós-graduação stricto sensu: mestrado em Administração, Engenharia Elétrica, Engenharia Química, Engenharia Mecânica e doutorado em Administração e Engenharia Elétrica. O Centro Universitário da FEI compreende ainda o IPEI (Instituto de Pesquisas e Estudos Industriais). É vinculado à Abruc – Associação Brasileira das Universidades Comunitárias. www.fei.edu.br

Leia Mais

UPE vestibular 2016 – Datas, inscrições e Gabarito

A Universidade de Pernambuco (UPE) é uma instituição publica estadual, que proporciona ensino de qualidade. Possui campus espalhados pelo estado situado em Caruaru, Nazaré da Mata, Palmares, Arcoverde, Petrolina, Salgueiro e Serra Talhada. São disponibilizados  cursos de graduação e nível técnico, pós-graduação, pesquisa e extensão. A universidade disponibiliza cursos a distância de Licenciatura em Ciências Biológicas, Licenciatura em Letras, Bacharelado em Administração Pública, Licenciatura em Pedagogia. O  vestibular da UPE modificou a método para ingressar na instituição através da nota atingida no Exame Nacional do Ensino Médio, porém o método de Sistema de Seriado de Avaliação (SSA) continuará em vigência e será dividido em 50% das vagas e o ENEM com será ocupada pelas restantes. As informações sobre o processo seletivo se encontram no endereço eletrônico.

upe

Inscrição Vestibular UPE 2016

O período de inscrições para o vestibular UPE 2016 será de acordo com a realização das provas do ENEM, conforme o Conselho Universitário (Consun), responsável pela universidade informou no site sobre as modificações a partir de 2016. Novos alunos deverão ingressar na instituição a partir do exame e as inscrições para realizar as provas no fim do ano já estão encerradas.  Os interessados devem estar atentos no site http://enem.inep.gov.br/onde onde serão divulgadas novas inscrições para o ENEM 2016. Também serão publicadas informações por meio da universidade sobre o processo seletivo no endereço eletrônico WWW.upe.br.

UPE Vestibular 2016 Datas

Devido as mudanças para ingressar na UPE,  os alunos inscritos no ENEM devem utilizar a nota para disputar a uma vaga na instituição. Os alunos que realizaram a inscrição deverão fazer as provas nos dias 24 e 25 de outubro de 2015. Cerca de 50% das vagas serão disponibilizadas por meio das avaliações do exame. Os alunos interessados em ingressar através  do SSA poderão realizar a inscrição a partir do dia 03 de agosto de 2015 ao dia 02 de setembro de 2015. O edital estará disponível nos próximos dias no portal disponível com informações do novo Processo Seletivo http://processodeingresso.upe.pe.gov.br/.

Gabarito UPE 2016

EM 2016 não haverá vestibular tradicional conforme todos os anos realizados pela UPE, o ingresso na faculdade será a partir do ENEM. Os candidatos devem acompanhar o desempenho de sua avaliação a partir do site oficial do exame http://enem.inep.gov.br/ e após o resultado das avaliações os candidatos devem seguir o passo a passo disponível no endereço eletrônico do INEP e da UPE. Deve ser escolhido o curso desejado além de escolher optar pela instituição desejada. Através do ENEM o aluno tem a opção de escolher mais de um curso ou instituição.

Aprenda como estudar para Enem AQUI!

Leia Mais